Quinta-feira, 22 de Maio de 2008

Balanço das Palestras

 

 O conjunto de palestras “Faro no Futuro” iniciou-se às 9 horas, com uma breve introdução feita pelo Presidente da Escola Tomás Cabreira, Dr. Domingos Grilo, que após ter apresentado a constituição da mesa, do primeiro painel (Presidente da Câmara Municipal de Faro; Dr.ª Sílvia Cabrita; Arquitecto Paisagista José Brito; Dr.ª Maria José Fernandes e, claro, ele próprio) explicou o porquê de escolhermos esta data para o nosso debate. Tratava-se do início das Comemorações da Tomás Cabreira, a ter lugar ao longo de 2008, ou seja os 120 anos da existência da Escola, 100 anos do Edifício e os 90 anos do falecimento do Patrono.

  Depois passou a palavra ao nosso ilustre convidado, o Presidente da Câmara Municipal de Faro, Dr. José Apolinário, que agradeceu o convite e elogiou a nossa participação no concurso Cidades Criativas, pois acha este tipo de iniciativas fundamentais para o desenvolvimento crítico dos jovens.          A Dr. Sílvia Cabrita, a representar dois cargos importantes - o Departamento de Planeamento e Ordenamento do Território e a Universidade de Aveiro no concurso Cidades Criativas – Também ela felicitou a nossa Escola pela iniciativa de organizar esta palestra virada para o Futuro da nossa cidade e salientou a importância do Concurso Cidades Criativas no desenvolvimento intelectual dos jovens alunos que aceitaram este desafio.

 

 

 

 

Passando agora ao nosso grupo…

 

 

 A mesa do segundo painel, ou seja o nosso, constituída pelo Vice-presidente da Câmara Municipal de Faro, Engenheiro Augusto Miranda; o Presidente do Conselho Executivo; a Dr. Sílvia Cabrita e a Arquitecta Teresa Valente.

Começámos por apontar alguns problemas que existem na nossa cidade, como a falta de espaços culturais e o facto de Faro estar a tornar-se numa cidade “fantasma”, onde encontramos pessoas a deslocarem-se para a periferia, deixando o centro morrer.

Pegando nestes dois aspectos começámos a expor o nosso projecto, apresentando o trabalho desenvolvido até à data, mostrando desde a escolha da casa, onde queremos construir um centro de artes, até às modificações elaboradas a nível de plantas, passando por pesquisas, diversas entrevistas, inquéritos, etc.

Por fim apresentámos os nossos objectivos para Faro daqui a 15 anos, ou seja:

·     Uma cidade mais activa;

·     Um centro da cidade criativo e movimentado;

·     Uma maior abertura às actividades artísticas;

·     A criação de Centros de Arte, em Faro, estrategicamente colocados por Freguesias, ligados em rede e com apoio de privado/público;

·     Tornar a cidade de Faro um lugar onde as Artes sejam valorizadas;

·     Uma maior abertura às actividades artísticas;

·     Mais relevância para a arte, para que esta “passeie” pelas ruas.

 

Do debateaspectos mais pertinentes – para Faro daqui a 15 anos:

·     Requalificação de edifícios como prioridade primordial;

·     Proteger a arquitectura do século passado, criando legislação adequada;

·     Património arquitectónico protegido de vandalismos, através de leis mais actuantes e atempadamente;

·     A importância de criar um Centro de Artes onde os jovens possam trabalhar;

 

 

 

(Ler mais)


publicado por Artes12Faro às 11:49
link do post | comentar | favorito
Sábado, 17 de Maio de 2008

Balanço Semanal - 12 a 16 de Maio

 

Olá a todos.

 

Cá estamos nós de volta com mais um balanço semanal e sou eu, Monica, a elaborá-lo.

A Raquel e a Jani concluíram o balanço da Palestra das comemorações da Escola Secundaria Tomás Cabreira.

A Carina tratou do resumo dos documentos que a Arquitecta Teresa Valente nos forneceu.

Eu continuei a passar a limpo as modificações das fachadas da Casa.

Iniciámos, finalmente, a construção da maqueta da casa! 

 

Voltaremos com mais novidades e acontecimentos para a semana.

 

UM BOM FIM-DE-SEMANA!!!


publicado por Artes12Faro às 16:38
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 15 de Maio de 2008

O Nome da Rua

 

 

O nosso grupo, e os restantes alunos da turma, estivemos envolvidos ao longo de dois anos lectivos no projecto "O Nome da Rua".

 

O trabalho realizado - estudo toponímico, histórico e social da Zona Histórica de Faro "Vila Adentro"  - vai  estar em exposição, a partir do dia 17 de Maio, no Museu Municipal de Faro.

 

Este projecto da Área das Artes da Escola Secundária Tomás Cabreira, Faro, foi um dos seleccionados, a nível nacional, no concurso do Ministério da Educação "Iniciativa Escolas, Professores e Computadores Portáteis".

 

 

Gostaríamos muito de contar com a vossa presença!!!

 

Na noite da inauguração temos reservadas algumas surpresas…

 

 

 

 


publicado por Artes12Faro às 21:02
link do post | comentar | favorito
Sábado, 10 de Maio de 2008

...

 

Olá pessoal

 

Durante esta semana estivemos muito ocupados (para variar, eheheh)

Estamos debruçados principalmente no poster A0 e na maqueta. Começamos agora a chegar aos trabalhos finais, mãos à obra people!!

O Rudi tem sido o principal membro a trabalhar no poster, quanto a maqueta é um bocadinho de cada um, esta semana, em particular, a Monica esteve responsável por passar os Alçados da casa, já com as nossas alterações, a Jani e a Carina tiraram medidas para a maqueta para assim comprarmos o material necessário.

Eu e a Jani estivemos mais uma vez de volta do balanço da palestra, e a Carina resumiu os documentos entregues pela arquitecta Teresa.

Posso adiantar que já compramos o PVC, o material base da nossa maqueta!

 

Um abraço

 

Uma boa semana!!


publicado por Artes12Faro às 14:15
link do post | comentar | favorito
Domingo, 4 de Maio de 2008

Balanço Semanal e algo mais...

Alô pessoal…

 

Na aula passada debruçámo-nos sobre o poster A0 e demos continuidade às tarefas que tinham sido iniciadas na semana anterior…

 

Esta semana foi mais curta devido ao feriado de 1º de Maio, por isso o nosso trabalho prosseguiu mais lentamente, mas por uma boa causa, ora vejam:

Sabiam que para que houvessem direitos sindicais tiveram que se travar grandes lutas e sacrificar vidas?! Pois, é verdade! No entanto, após anos de luta, o senado francês, no dia  23 de Abril de 1919, ratifica o dia de 8 horas e proclama o dia 1 de Maio feriado.

Portugal só veio a aderir ao dia do trabalhador em 1974, aquando da revolução do 25 de Abril, pois até lá a comemoração deste dia era reprimido pela policia.

Isto é apenas uma pequena referência para que percebamos que todo o nosso passado reflecte-se naquilo que somos agora…e está nas nossas mãos lutarmos para melhorar o nosso mundo, a nossa sociedade e a nossa própria consciência!

 

 

 

 

 


publicado por Artes12Faro às 18:59
link do post | comentar | favorito

.Mais coisas sobre o PeSsOaL


. ver perfil

. seguir perfil

. 5 seguidores

.Cuscar neste Blog

 

.Junho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.Posts Recentes

. Relatório

. Voltámos....

. Balanço das Palestras

. Balanço Semanal - 12 a 16...

. O Nome da Rua

. ...

. Balanço Semanal e algo ma...

. Balanço Semanal

. Balanço Semanal

. Faro no Futuro...

. A Não Perder...

. Balanço Semanal - 7 a 12 ...

. Faro no Futuro

. A Não Perder...

. ...

. ...

. Breve descrição da azulej...

. A Não Perder...

. Entrevista à Arquitecta T...

. Barómetro Emocional!

.Arquivos

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

....Links...

PhotobucketPhotobucket

.Chat


.A Não Perder...

.Questionário

.Visitantes...

SAPO Blogs

.subscrever feeds